Por que você não deve começar escolhendo o curso?


Na hora de pensar o que vai estudar depois da escola, você sonha com: “Vou escolher um curso legal e famoso, ai depois quando eu me formar vai ter um monte de lugares que eu vou querer trabalhar“.

Os anos passam, você se forma, mas na prática só 1/3 dos brasileiros trabalha numa carreira que tem a ver com o curso universitário que fez.

Têm vários motivos para alguém não trabalhar na área que se formou, um dos principais é focar a escolha no que você quer estudar ao invés de pensar no que você quer trabalhar.

Mas o desafio é mais complexo porque um curso de graduação é uma chave para você poder fazer coisas depois dele.

Então não adianta só você olhar pra chave, você precisa também olhar para as portas que essa chave é capaz de abrir.

Na verdade, o melhor é você começar escolhendo no que você quer trabalhar para depois decidir o curso.

Porque começar pensando no trabalho?

O fato de você gostar de um assunto, não signfica que você vá gostar de trabalhar com ele.

Você pode gostar de estudar genética em biologia, mas talvez não goste de trabalhar em um laboratório com um microscópio.

Você pode gostar de estudar história, mas talvez não goste de ensinar história.

Você pode gostar de escrever redações, mas talvez não goste de escrever reportagens.

Ou talvez você goste de estudar e trabalhar com um assunto, esse é o ideal, mas o importante é entender que gostar de trabalhar não vem de brinde quando você gosta de estudar um assunto.

Como trabalhar é diferente de estudar, você precisa se planejar para entrar numa área que você vai querer estudar E trabalhar. Não fazer isso é correr o risco de conseguir uma chave pra uma porta (ou portas) que você não vai querer abrir.

Obviamente, você não precisa durante o vestibular ter certeza do que vai fazer depois de formado, inclusive muitas vezes você tem certeza sobre isso e ao longo do curso muda de ideia.

Pensa primeiro no que você quer trabalhar

Fazendo o curso de Direito, por exemplo, você pode trabalhar como:

- advogado
- juiz
- promotor
- defensor público
- delegado

Tem várias outras carreiras possíveis dentro do Direito, mas essas são algumas das mais famosas e procuradas.

Então se você está avaliando fazer a faculdade de Direito, você precisa conhecer como é o trabalho de cada uma dessas carreiras (ou pelo menos da carreira que você pensa em seguir).

Porque se você entrar numa graduação sem pensar como vai ser trabalhar depois dela, existe o risco de você não gostar do trabalho.

Com certeza você vai aprender mais sobre as opções de carreiras ao longo do curso, isso é normal e vai te ajudar a decidir exatamente no que trabalhar. Mas o que você tem que evitar na hora do vestibular é escolher um curso sem entender como as profissões dele são na prática.



Se inscreva para ser avisado quando sair um novo post do Me Achei

Nunca vamos repassar seus dados para alguém ou enviar spam!