Curso Conteúdos Saiba Mais


Índice

Capítulo 6 – A escolha da carreira


Será que existe vida fora do sistema?


Em muitos momentos do livro eu trouxe dados e opiniões que não são animadores, mas a ideia do livro é ser otimista em relação ao futuro e às possibilidades. Foi necessário construir um retrato do sistema, mesmo percebendo que ele tem seus problemas, pra podermos enxergar melhor as opções existentes.

Quero encerrar o livro falando de algumas coisas interessantes que você pode fazer pra avaliar as oportunidades. São ações independentes que podem ser usadas da forma como você achar melhor pro seu futuro, mas não são uma fórmula mágica de sucesso:

   - entender a natureza do que você pretende fazer: os cursos de graduação são desenhados pra dar uma base teórica ampla, que depois pode ser usada pra se especializar. Isso significa que são cursos com foco acadêmico e intelectual que demoram anos até você executar a prática. Antes de se matricular em um curso de graduação, você precisa avaliar se tem interesse em estudar os fundamentos teóricos de um assunto por um bom tempo. Já os cursos de tecnólogo, técnico ou livres, são mais curtos e mais práticos. Não existe certo, nem errado, tudo depende do que você está disposto a fazer e onde quer chegar.

   - acessar conteúdos e pessoas na internet: encontrar conteúdos e pessoas na internet pode te ajudar tanto pra avaliar as possibilidades no vestibular, quanto no seu desenvolvimento profissional ao longo da carreira, essas são quatros formas possíveis:

            • pra todas as áreas do conhecimento existem conteúdos grátis em formato de texto, vídeo ou apresentação.

            • muitas universidades de qualidade do Brasil (USP) e dos EUA (Harvard e MIT) lançaram cursos online, genericamente chamado de MOOCS.

            • comprar livros de qualquer assunto e de qualquer país na internet.

            • as redes sociais e fóruns também são uma oportunidade de conhecer novas pessoas da sua área de interesse. Por exemplo, o site meetup é usado pra anunciar eventos presenciais de vários assuntos e em muitas cidades.

   - fazer cursos: cursos de curta duração (entre 2 e 30 horas) podem ser uma boa forma de aprender sobre algum assunto do seu interesse. Na internet, você pode fazer cursos online (de graça ou com preço acessível) ou encontrar cursos presenciais.

   - colocar a mão na massa: dependendo do que você quiser fazer, não precisa esperar a escola acabar pra colocar a mão na massa. Artes, finanças, música, desenvolvimento de software, cinema e gastronomia, são exemplos de áreas que você pode começar hoje a testar e praticar.

   - conversar profissionais das suas áreas de interesse: pode não parecer, mas muitas pessoas gostam de contar sobre o seu trabalho. Se você tem interesse em uma área e tem um conhecido ou um conhecido de um conhecido que trabalha nela, vale muito a pena combinar uma conversa de uma hora pra ouvir sua experiência de trabalho.

   - experiências de trabalho temporário: é um nível mais avançado que mistura os profissionais que você conhece e com colocar a mão na massa. Se tiver alguém que você ache interessante e queira muito aprender como essa pessoa trabalha, uma opção é se oferecer pra trabalhar de graça durante algumas semanas pra sentir na pele como as coisas acontecem.





Curso Conteúdos Saiba Mais